Obrazy na stronie
PDF
ePub

15.) que a abominação e a desolagão predita por Daniel estava proxima ; e na verdade a ruina de Jerusalem Q do Templo aconteceo menos de 40 annos depois da sua morte: olém disso quando Jesus Christo appareceu na Judoa todos os Judeus espera vão o cumprimento desta prophecia, como attestão Tacito, Suetonio, e Jozepho.

O Propheta Aggæo nascido no tempo do captiveiro dos Judeos em Babylonia', exhortando vivamente a Zorobabel, Principe de Juda , e ao Summo Sacerdote Jesus, filho de Josedech, e a todo o povo, á reedificação do Templo, lhes annuncia, que este segundo Templo seria mais illustre, e mais glorioso que o primeiro, não pela abundancia do ouro, e da prata, mas pela prezenca do Messias.

. Esta prophecia he expressa em termos muia : to claros, e eisaqui as palavras formaes : « Ain,, da hum pouco de tempo, e eu commoverei ,, o ceo, e a terra, e o mar, e o mundo toi; do. E moverei todos os povos : e virá o Dezejado de todas as nações: e encherei está , caza de gloria, diz o Senhor dos exercitos.

O ouro, e a prata he meu : a gloria desta

caza será maior, que a da primeira, e neste , lugar darci a paz. ,, (Agg. c. 2. v. 7. 8. 9. 10.)

Com effeito o Dezejado de todas as ragões não pode ser outro, senão o Messias, ou Jesus Christo. Segundo a prophecia de Jacob devia reunir as nações : segundo as promessas. feitas a Abraham, todas as nações da terra de vião ser abengoadas nelle : segundo as predicções de Isaias, as nações esperariáo nelle, e as ilhas aguardarião sua lei, &c. Tacito, Suetonio, e Jozepho nos dizem, que á chegada de. Jesus Christo todo o Oriente estava persuadido que huma personagem saida da Judea seria o. dominador do mundo. Com a vinda do Salvador o ceo, a terra , o mar, forão abalados pelos prodigios, que nelles appareceráo ; o concento dos Anjos, que anunciárão seu nascimento aos pastores, a estrella, que o indicou aos Magos, O ceo aberto em seu baptismo, o eclypse, que escureceo a Judea por sua morte, sua ascensão, a descida do Espirito Santo, forao outros tantos prodigios obrados no ceo ; Jesus Christo em fim acalma as tempestades, e enche a Judea de seus milagres. Antes do seu nascimento, as guerras dus Judeos contra os Reis da Syria, depois de sua morte, a conquista da Judea pelos Romanos pozerao em movimento todos os povos. O segundo Templo era muito menos rico que o primeiro , porem foi sanctificado e honrado pela pessoa do Messias, que nelle foi apresentado, obrou muitos milagres , e pregou o Evangelho da paz. Todos os Autores do Talmud intenderao, como nós, esta prophecia,

SWE

O Propheta Zacharias, além de outros mais tos lugares, em que figuradamente, ou á letra falla de Jesus Christo, e de sua Igreja , no. cap. 9. v. 9, annuncia até a circunstancia da entrada triumphante de Jesus Christo em Jerusalem, montado n'huma jumanta : “ exulta , diz , elle, filha de Siao, alegra-te, filha de Jeru, salem , eis o teu Rei vem para ti justo, e , Salvador ; elle mesmo pobre, e montado na es jumenta, e no seu filho ,,. Exulta satis filia Sion, jubila filia Jerusalem : Ecce Rex tuus venit tibi justus, et Salvator : ipse pauper , et ascendens super asinam, et super pullum fi. lium asinae. S. Matheos c. 21. v. 4. reconheceo o cumprimento desta prophecia em Jesus Christo quando, depois de ter narrado como o Salvador mandára dous discipulos ao Castello fronteiro buscar a jumenta, eo seu poldro para servir-lhe em sua entrada triumphal na cidade santa, acrescentou : “ todo isto foi feito para se sj cumprir a prophecia de Zacharias - eis vem ,, teu Rei &c. ,, - Hoc autem factum est ut adimpleretur quod dictum est per prophetam dicentem : Dicite , filiae Sion --- Ecce Rex tuus &c. 0 Propheta Malachias no cap: 3. v. 1. annuncia nao só a vinda de Jesus Christo ao Templo de Jerusalem, mas indica mui claramente seu santo Precursor: diz assim: “ Eis o vos mando o meu Anjo, e preparará o ca

, minho adiante de mim. E logo virá ao seu „ templo o Dominador, que buscacs : é o Anjo „ do testamento, que dezejaes. » O mesmo Salvador explicou de si, e de João Baptista, esta prophecia : depois de haver exposto as excellencias do Santo Precursor diz: "este he aquel», le, de quern está escrito - Eis eu mando a -, meu Anjo adiante de tua face, que prepae rará o teu caminho adiante de ti. „, ( S. Math. c. 11. v. 10. ) (S. Marc. c. 1. v. 2.) ( S. Luc. c. 7. v. 27).

ra " que todos os Prophetas, é a lei até S. , João Baptista annunciárao sua vinda - omnes enim Prophetae , et lex usque Joannem prophes taverunt: (S. Math. c. ll. v. 13.).. į S. Paulo na sua Epistola aos Hebreos C. 1. v. 1. &e. expriine coin energia o nexo admiravel, e ligação necessaria , que existe entre as trez epochas da Revekacao. “ Tendo, diz o San,, to Apostolo, Deos fallado a nossos antes passados pelos Prophetas do muitas e diversa

sas maneiras , proximamente nos derradeiros »; dias nos fallou por seu Filho, creadore' » Senhor do Universo. , - He o mesmo Deos de Abraham, como nota 8. Pedro Act. e. 3. v. 13, de Isaac, e de Jacob, o Deos de todos os Patriarchas desde Adam , que glorificou a seu Filho Jesus, tendo

disposto é, preparado os homens para a pera feição do Evangelho desde a Creação. Obrou Deos com o genero humano, como hum pai , ou hum mestre prudente e intendido pratica com o filho ou discipulo, que educa. Comeca hum menino à caminhar para a sabedoria desde a infancia : o primeiro passo são os elementos das palavras, as letras e syllabas: dahi segue-se o conhecimento do idioma nacional, depois o das linguas scientificas, emfim desenvolve seu in-, tendimento nas faculdades preparatorias, e ulti. : mamente trilha o liminar da sabedoria, Hum mestre, que invertesse este plano não só damnificaria seu alumno, mas tambem daria as provas mais decisivas de inhabilidade, indiscricão, e.. até necedade. Não podemos duvidar, que o ge-, nero humano ou a collecção dos homens, que habitão o globo, tem tido nas differentes epochas desde a crcação circunstancias analogas ás do homem nos diversos termos da sua idade. O genero humano não desenvolveo seu raciocinio, nem apurou suas faculdades, senão á proporcão, que se hia abrindo, e estendendo o intendimento da maior parte dos homens em cada familia, em cada paiz , em cada nação, e ern todo o universo. A observação, a experiencia , a meditação, a comniunicação mutua dos pensamentos nos primeiros homens elevárão sua ra-, zão a huma certo grao de desenvolvimento, sobre.

[ocr errors]
[ocr errors]
« PoprzedniaDalej »