Obrazy na stronie
PDF
ePub

O A postolo e Evangelista S. Matheos nos faz vêr, que esta profecia se cumprio em Jesus Christo, concebido e parido pela virgem Maria : Hoc totum factum est , ut adimpleretur quod dictum est a Domino per Prophetam dicentem : Ecce virgo fic. (S. Math. c. 1. v. 22). . Além disto gravissimas razões de Hermeneutica nos fazein vêr, que esta profecia só póde applicar-se ao Messias, ou Jesus Christo. 1. não he possivel applica-la ao filho de Isaias : porque Manuel devia nascer de uma virgem; assim o entendeo Jonathan na parafraze Chaldaica, e os antigos Judeos dahi concluiram, que o Messias devia ter por mai uma virgem. O filho de Isaias devia ser chamado Maher-Schalal, e não Manuel : 2.. no cap. 8. v. 8., Emanuel he designado, como uma personagem, a quem a Judea pertence :-"Por causa disto, diz Isaias, o. ,, Senhor conduzirá sobre elles as muitas e im, petuosas agoas do Rio, o Rei dos Assyrios , i, e toda a sua gloria .... e irá por Juda inun. s, dando, e chegará em sua passagem até o ouį, teiro. Estenderá as grandes azas de seo exer,, cito sobre toda a tua terra , onde nascerás, , e onde reinarás, ó Emmanuel. „ Isto nað póde convir ao filho de Isaias : no cap. 9. v. 6. este mesmo menino he chamado Admiravel, Conselheiro, Deos, Forte, Pai do futuro seculo , Principe da paz; e accrescenta o Profeta, que

o imperio de Emmannel se dilatará por todo o orbe, e não terá fin multiplicabitur ejus imperium , et pacis non erit finis : o Paraphrasta Chaldêo applica tambem todos estes titulos ao Messias; e nada disto podia convir ao filho de Isaias, e nem ao de Ezechias, como alguns Rabbinos quizeram entender. 3. o o designio do Profeta nað era somente tranquilizar o rei Achaz sobre a empreza dos reis de Israel, e da Syria, mas assegurar a familia de David de que não seria destruida ,, nem por estes dous reis, nein pelos Assyrios: assim o declara o mesmo Pro. feta no §. 10 do citado cap. 8.0 -Tomai a „ resolucai, e não será executada : dai a pa», lavra, e não será cumprida : porque será Deos com nosco, (he a explicacao de Emmanuel.) Ora nem o filho de Isaias, nem o de Ezechias podiam ser o penhor da proteccao de Deos contra estes inimigos da Judea; mas a vinda do Messias, que devia nascer do sangue de David, era una prova de que este sangue subsistiria, pelo menos, até este grande accontecimento. 4. Isaias offerecia da parte de Deos um prodigio, um milagre, para assegurar Achaz, eos Principes descendentes de David; o nascimento do filho de Isaias, nem do filho de Ezechias, que então já não era menino, nada tinha de milagroso. 5. Os mesmos Judeos applicam ao Messias, o que o Pro feta diz no cap. 11. v. 1, e seguintes " E brotará a vara da raiz » de Jesse, e a fôr. E repousará sobre elle », o espirito do Senhor : o espirito de sabedoria, , e de entendimento; o espirito de conselho , », e de fortaleza; o espirito de sciencia, e de ;; piedade, e o encherá o espirito do temor do » Senhor. Não julgará pelo que vê, nem pelo ;; que ouve arguirá alguetu : mas julgará com » justiça os pobres, e arguirá com igualdade a „ favor dos mansos da terra : e baterá a terra , com a vara de sua boca, e matará o impio ,, com o halito de seos labios, &c. .

He evidente, que desde o capitulo 7. o até 0 12.° Isaias não perde de vista o seo objecto, e que estes seis capitulos se referem á mesma personagem, e conseguintemente não trạta senão do Messias, ou Jesus Christo.

No capitulo 53 Isaias annuncia o nascimento, paixão, e morto acerba de Jesus Christo, sua mansidio, e voluntaria oblaçao, sua glo.. ria, e multidão dos que haviam de crêr nelle , começa dizendo quis credidit auditui nostro ? et braenium Domini cui revelatum est ? " quem i, acreditou nossa pregagað ? e quão poucos co,, nhecerain a potencia divina encoberta com o ,, véo da fraqueza da humanidade de Jesus Chris,, to ? , He certo, que ao principio foram poucos os que crerain no Evangelho, mas depois da morte do Salvador se estendeo por toda a

terra , e por isso diz no verso 11,"o mesmo -, justo meo servo, justificará muitos (que o hào „, de conhecer, e crer nello.) . Todo este capitulo parece ser mais uma historia, que uma profecia de Jesus Christo. Jesus Christo o interpretou de si mesmo : depois da ultima céa, entre outras praticas, com que instrujo seos discipulos, disse ---- Digo-vos, que », ainda he preciso cumprir-se o que de mim foi ..,, escrito : (e logo recitou o verso. 11 deste ca

, pitulo de Isaias),, e foi reputado no numero dos malvados : Dico enim vobis , quoniam ad! huc hoc, quod scriptum est oportet impleri in me : Et cum iniquis deputatus est. (S. Luc. 22. 37.)

O Diacono S. Filippe tambem explicou de Jesus Christo o v. 7.0 8. deste capitulo , respondendo a pergunta, que sobre isso lhe fez o Eunuco da Rainha de Candace; cra a letra do texto - “ Será conduzido á morte, como uma ovelha, e se callará, e nao abrirá sun bôca ,, na presença de seos accusadores, e inimigos, » como o cordeiro perante o tosquiador ... quem », poderá explicar sua geraçao?... eu o cas» tiguei pelo crime do meo povo. , . S. Joao Evangelista no capit. 12 v. 38 de seo Evangelho mostra cumprida á profecia do primeiro versiculo deste capitulo na incredulidade dos que vendo tantos milagres obrados por Josus,

i Christo, não abracávão sua doutrina : e na sua Epistola 1.6 Cap. 3. v. 5 applica ao mesmo divino Salvador as palavras do v. 9 deste capitulo "não commeteo maldade, nem se achou dolo „, na sua boca ; , o mesmo faz S. Pedro na sua 1. Epistola c. 2. v. 22. e S. Paulo 'na Epist. aos Romanos c. 10. v. 16., S. Marcos c. 9. v. 11., e c. 15. v. 28, S. Math. c. 8. v. 17. &c. expoem igualmente de Jesus Christo outras passagens do mesmo Capitulo : ha em Isaias muitas outras prophecias, que somente são applicaveis á Jesus Christo, e que de nenhuma sorte podem convir aos acontecimentos do povo de Deos na volta do captiveiro. S. Jeronimo diz que Isaias falla de Jesus Christo , e da sua Igreja em termos tão claros, que antes parece escrever coisas passadas, do que 'predizer futuros, e inais parece cumprir os deveres de Evangelista , do que o ministerio de Propheta.

O Propheta Daniel, que viveo em Babylonia no tempo dos Reis Assyrios, Medos, e "Persas, e escreveu suas prophecias quasi quatrocentos annos antes do reinado de Antiocho, como consta do Propheta Ezechiel, seu contemporaneo, c. 14. v. 14. e 20, c. 28. v. 3., e do Author do livro 1.o dos Machabeos C. 1. v. 57. 6. C. 2. v. 59, e de Jozepho Antiq. 1. 10. c. 12, e l. 11. c. 8, &c., no Capit. 2. v. 31, depois de explicar a Nabucodonosor a fu

« PoprzedniaDalej »